Os Cristais e suas Utilidades

OS CRISTAIS E SUAS UTILIDADES

Desde a antiguidade que a valorização dos cristais é percebida pelos homens que, além de admirar suas cores e formas, viam-nos como obra sagrada de Deus. A sua utilidade não era apenas a de ornamentar ambientes e roupas, mas também a de oferecer proteção e cura. E essa ideia de considerar pedras como objetos sagrados está em quase todas as civilizações.

As energias dos cristais podem ser divididas em dois grupos distintos: energias físicas e energias espirituais. As energias físicas podem ser medidas cientificamente e já foi comprovado que os cristais são excelentes condutores e amplificadores de energia, sendo utilizados na composição de fibra ótica, chips de computadores, etc. As energias espirituais dos cristais não podem ser medidas por métodos físicos, mas podem ser percebidas na sensação de bem-estar e cura que causam.

Os cristais são usados para amplificar, equilibrar e harmonizar nossos chakras, que são pontos energéticos em forma circular, situados na nossa aura e que podem ser localizados no nosso corpo físico. Mas isso será abordado com mais profundidade em outro artigo.

 

COMO ESCOLHER O SEU CRISTAL

Digamos que o cristal é que lhe escolhe. Experimente ir à uma loja que venda cristais, se posicionar de frente para eles, esvaziar a mente e deixar sua mão te guiar. Ao aproximar suas mãos, sinta a vibração que emitem. Você verá que sua mão esquentará ou formigará na direção de um cristal específico.

Cada cristal atua de uma forma única. Por exemplo, se você tem dificuldades em se comunicar, um cristal que ajudaria seria o lápis-lazúli; se precisa se equilibrar financeiramente, a pirita pode atrair boas ideias e até o trabalho desejado; se sofre com a inveja e se sente ameaçado de alguma forma, a turmalina negra ou a ônix pode te proteger contra o mal; mas se você precisa transformar suas atitudes, pensamentos, sentimentos e palavras, a ametista te ajudará com isso e facilitará a sua meditação e concentração em si mesmo.

Vale ressaltar que, uma vez escolhido, limpo, energizado e programado, o seu cristal deve ser usado para o fim que ele foi direcionado. Caso queira utilizá-lo de outra forma, você deverá repetir o procedimento de limpeza, energização e programação.

 

COMO USÁ-LOS

Cristal pessoal: é o cristal que você pode carregar para qualquer lugar, seja para lhe dar segurança ou para atrair o que você precisa. Para carregá-lo, coloque-o num saquinho de couro ou tecido. Nunca utilize materiais plásticos para envolvê-lo.

Cristais para cura e remédio: selecione cristais específicos para este fim. Visualize uma luz branca e direcione para as partes do corpo da pessoa nas quais deseja trabalhar. Eles também podem ser usados como elixires (energizados em água potável) ou colocados em óleos de massagem, hidratantes, colírios, etc.

Energização de ambientes: usar uma drusa (aglomerado de cristais, com várias pontas) para purificar e energizar constantemente o ambiente é o mais aconselhável. Outro procedimento, é colocá-los em bombonieres ou aquários, escolhendo uma variação grande de cores e formas. Mas, nesse caso, é sempre bom limpá-los e energizá-los uma vez por mês.

Uso com plantas e animais: para energizar plantas, coloque um cristal no vaso, enterrado junto à raiz da planta. Para animais domésticos, o ideal é escolher uma drusa de tamanho médio a grande e colocar no local onde o animal costuma dormir. Não reutilize esse cristal para nenhum outro fim!

Banhos: coloque diversos tipos de cristais na água quando tomar banho de imersão ou hidromassagem. O efeito é magnífico!

Amuletos: busque um cristal em forma de pingente e pendure-o num cordão. Depois de limpá-lo e energizá-lo, coloque-o entre as mãos e faça uma prece, dando a função de atrair proteção ou o que você precisar ao cristal.

Meditação: você poderá usar um quartzo incolor ou a ametista neste procedimento, são os mais indicados. Pode usar no terceiro olho (entre as sobrancelhas) ao deitar, ou segurar entre as mãos visualizando luz branca irradiando enquanto medita.

 

MÉTODOS DE LIMPEZA

Para que a energia dos cristais esteja sempre em sintonia com a sua, é necessário que, de vez em quando e antes de usá-lo pela primeira vez, você faça uma limpeza energética. Principalmente se eles forem usados para trabalhar com outras pessoas. Seguem os métodos de limpeza mais utilizados:

  • Águas naturais (cachoeiras, rios, lagos e mares): consiste em deixar os cristais submersos nessas águas, desde que não estejam poluídas, pelo tempo que a sua intuição determinar. Sempre deixe secar à luz e ao calor do sol.
  • Água e sal grosso: coloque os cristais num recipiente (MENOS de plástico e alumínio) com água e sal grosso. Deixe-os imersos por 3 horas e lave-os em água corrente para retirar o excesso de sal, lembrando de deixar secar ao sol.
  • Defumação: acenda o incenso ou defumador de sua preferência (sálvia, alecrim, eucalipto, canela, cedro, benjoim, etc.) e passe por todas as faces do cristal, pelo tempo que achar necessário.
  • Drusa (para limpeza de pedras pequenas): as drusas, por conter várias pontas de cristal, são autolimpantes e auto energizantes. Deixe seus cristais junto à drusa por, no mínimo, 3 horas.
  • Chuva: deixe seu cristal sob chuva forte. É um excelente método de limpeza.
  • Selenita: esse é o método mais prático e rápido de limpar e energizar o seu cristal. Coloque seus cristais numa superfície lisa e, com um bastão de selenita, direcione para um quartzo de 6 faces incolor. A ponta deste quartzo deve estar apontada para os cristais que você quer limpar e energizar, não importando a quantidade. Deixe agir por 5 minutos e já poderá usá-los. O bastão de selenita também é muito eficiente na limpeza e energização de objetos e ambientes.

 

MÉTODOS DE ENERGIZAÇÃO

Após limpar os seus cristais, é hora de energizá-los, ou seja, “recarregar as baterias”. Os métodos mais conhecidos são:

  • Sol / Lua: coloque o seu cristal à luz do luar durante toda a noite e deixe pegar a luz do sol, até o meio dia.
  • Terra: este método consiste em deixar os cristais em contato direto com a terra, por no mínimo 3 horas.
  • Tempestade: outra forma poderosa de energizar o seu cristal é esperar a formação de uma tempestade, com bastante raios e trovões, e deixá-lo exposto a essa energia.
  • Drusa e selenita: o procedimento é o mesmo citado no método de limpeza.

 

PROGRAMAÇÃO DO CRISTAL

Normalmente, basta a intenção clara e objetiva para programar um cristal automaticamente. Mas, para quem necessita de uma técnica para ter mais segurança, aconselhamos o seguinte procedimento:

1 – Limpe sua mente de quaisquer pensamentos negativos, respirando pausadamente e visualizando uma luz branca;

2 – Segure o cristal entre as duas mãos e sopre a função para ele;

3 – Reforce a programação do cristal durante 7 dias, dizendo: “Este é o meu cristal para...”

4 – Sempre finalize a programação com uma prece de sua preferência.

 

Caso vá utilizá-lo com o propósito diferente do programado, limpe-o antes com um dos métodos já citados e reprograme-o de forma clara e objetiva. Exemplo: você usa um cristal como amuleto e precisa que ele cumpra o papel de cura. Reprograme-o!

Os cristais são fontes poderosas de energia e podem auxiliar-nos no autoconhecimento. Abusem e usem!

 

Namastê!

Videntes e Tarologos Online usa cookies em seu site. Eles são utilizados para coletar informações a fim de melhorar sua experiência em nossa plataforma. Você quer saber mais sobre o que são cookies? Acesse nossa Política de Privacidade! Lembrando então que ao continuar a usar este site sem alterar suas configurações, você concorda com o uso de cookies.